[DICAS] Quando a referência circular é desejada!

Creio que em algum momento você já se deparou com a mensagem de alerta sobre Referência Circular:

r-circular-01

Em 99% dos casos, a referência circular ocorre por um equivoco de referências no momento de desenvolver suas fórmulas.

Então você me pergunta: “Existe momento em que a referência circular é desejada??”

A Resposta é SIM!!

Vamos imaginar a seguinte situação:

Uma empresa tem a politica de doar 3% do seu lucro para projetos sociais, e esse valor doado deve entrar como despesa para a empresa no período. Resumidamente temos essa situação:

r-circular-02

Como resolver isto no Excel levando em conta essa referência circular?

Montando a tabela e criando as relações nas fórmulas entre as células recebemos a mensagem da referência circular e o cálculo não é realizado, veja:

r-circular-03

Para resolver este problema fazendo com que o Excel entenda essa referência circular desejada é bastante simples. Basta ir nas opções do Excel e nas opções de “Fórmulas” habilitar a opção “Habilitar cálculo iterativo“:

r-circular-04

A Iteração é o recálculo repetido de uma planilha até que uma condição numérica específica seja satisfeita. Quando a fórmula faz referência a uma de suas próprias células, é possível determinar a quantidade de vezes que a fórmula deve ser recalculada. A referência circular pode ser iteradas inúmeras vezes, entretanto nas configurações é possível definir o número máximo de iterações e a quantidade máxima de alterações. Não habilite a opção de cálculo iterativo a menos que tenha necessidade, pois isso pode diminuir a performance da planilha.

Observe como ficou a planilha após habilitar esta opção:

r-circular-05

Observe que as setas azuis indicando as referências circulares sumiram e os cálculos feitos da forma desejada, mesmo sendo referências circulares.

Fica aqui mais uma dica de recursos disponíveis no Excel!

Baixe este exemplo aqui: modelo-referencia-circular

 

 

Anúncios

Um comentário em “[DICAS] Quando a referência circular é desejada!

  1. Eu uso a referência circular. e para mim, 32.200 iterações e pouco veja um exemplo de uma chave que eu utilizo para calculo da posição combinatória da mega sena. Imagine 4 células com as seguintes fórmulas em A 1, A 2, A 3, A 4. A 1 = (A 4)*(A 3 + A 2) A 2 = 1(A 4) A 4 = SE(A 3 > 2 ; 0 ; 1). Observe que isto permite criar um relógio, e que eu posso retirar da célula A 3 o valor 0 e 1 para ser aplicado por exemplo numa chave para gerar as 50 063 860 combinações possíveis para a mega sena. Desculpem-me, maz eu não encontrei outra maneira de obter as posições de qualquer combinação sem ser pelo método de substituição dos valores das 60 dezenas utilizadas nas extrações. E é claro, para isto, só automatizando por ex o Excel.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s